Globalmente, Portugal encontra-se na 29ª posição de entre 52 países analisados, tendo mantido a sua posição relativamente a 2013. O valor de índice global acompanhou esta tendência, tendo subido apenas 0,02 pontos para os 3,64. Esta pequena recuperação permite a Portugal voltar a aproximar-se da média global, consolidando a posição de líder dos países da Europa do Sul, e colando-se à Eslovénia (país na 28ª posição do ranking).

 

 

Conclusões Globais (baseado no posicionamento dos rankings de Dimensões e Pilares definidos):

  • A Suíça continua a ser o país com o melhor desempenho global, continuando a ser o único país a superar a nota de 5, ainda que o fosso para o segundo classificado tenha reduzido face ao ano anterior. Este domínio é sustentado pela posicionamento perto do topo dos rankings ao longo de todas Dimensões e Pilares considerados, estando no top 6 em todas as vertentes analisadas, com exceção para o Financiamento e Impactos Económicos, nos quais ocupa a 18ª e a 11ª posições respetivamente.
  • De resto, no lote dos demais países considerados Líderes em IDI verificaram-se apenas duas alterações, com a saída deste grupo da Holanda e Noruega, sendo substituídos pelos Estados Unidos e Reino Unido.
  • A consistência nos resultados estende-se ao grupo de países que podem ser considerados Seguidores, com presença regular no Top 20 dos rankings de Dimensões e Pilares, onde se contam agora os dois países “despromovidos” de Líderes – Holanda e Noruega – além dos países da Oceânia (Nova Zelândia e Austrália), do Japão, do Canadá, de Israel, da Áustria, da Islândia, da França e da Bélgica, todos com um bom desempenho global.
  • A génese do grupo de países considerados inovadores Moderados mantém-se, sendo este grupo constituído essencialmente países da Europa do Sul (Portugal, Espanha e Itália, bem como o Chipre), pela China e por alguns outros países do Centro e Leste da Europa (República Checa, Eslovénia, Eslováquia, Hungria, etc.).
  • Finalmente, com uma presença assídua nos últimos lugares dos rankings de Dimensões e Pilares mantêm-se a maioria dos países da Mercosul e alguns países PECO (Polónia, Bulgária e Roménia), aos quais se adiciona a Grécia e a Índia, sendo por isso classificados como países que têm um desempenho Incipiente em matéria de IDI.

Powered by